NotíciasTecnologia

O fim do Yahoo!

O título é sensacionalista? Sim. Mas feliz ou infelizmente o Yahoo!, que já foi uma das maiores e mais poderosas empresas de internet e tech vai acabar. Pelo menos no formato como nós a conhecemos hoje. Há aproximadamente 6 meses, a Verizon confirmou o acordo pela aquisição do Yahoo! por uma quantia que chega a ser patética: US$4,83 bilhões, sendo que a empresa chegou a valer US$ 125 bi no seu ápice, mas que infelizmente acabou chegando a essa situação devido a uma sucessão de erros da direção da empresa.

Catástrofe é a palavra que define o tom, já que mesmo após Marissa Mayer assumir como CEO a empresa já vinha passando por uma fase difícil e passou a ser uma sombra de uma das maiores companhias de tecnologia do planeta, no começo dos anos 2000. Especialistas afirmam que a derrocada começou quando a empresa fechou os olhos para a modernização de algorítmos de busca, ignorando o Google, que se tornou O gigante. A direção da empresa não foi suficientemente rápida para recuperar o tempo perdido, levando à situação atual, que deixou a empresa vulnerável e, obviamente, em posição de ser abocanhada.

De qualquer maneira, um documento com detalhes da transição foi liberado pela empresa, e as notícias não poderiam ser mais tristes: ela será desmembrada em duas partes, sendo que uma será incorporada pela própria Verizon e a outra continua como o Alibaba. O nome Yahoo! será descontinuado e o corpo diretivo será desmantelado – inclusive a CEO Marissa Mayer.

Importante ressaltar que a Verizon não adquiriu 100% do Yahoo!, apenas a sua maior fatia. Ads, conteúdo, buscas e serviços Online, foram adquiridos e serão absorvidos pela AOL. O resto vai se tornar uma holding, responsável pelos negocios da Yahoo! Japan, que possui US$36 bi em ações da empresa chinesa Alibaba. Uma parte vai ser absorvida pela Verizon e o resto passa a se chamar Altbaba Inc. (Que nome tosco, meu Deus!!). Além da dissolução da empresa, vai rolar uma caça às bruxas faxina na diretoria, claro. O acordo prevê que todas as lideranças principais vão ser desligadas. E a CEO vai puxando a fila.

Então é isso, adeus Yahoo! assim que o processo de aquisição for concluído. Tchau tchau e obrigado pelos peixes.

 

Previous post

Para o Natal, Coca-Cola cria Máquina da Gratidão

Next post

É café, parece café, mas tem gosto de Whisky

Leonardo Ferreira

Leonardo Ferreira

Designer, nerd desde sempre, guitarrista frustrado e ficando cada dia mais careca. Fã de tecnologia, pizza, Rock e chegado em jogar videogame quando não tem nada melhor pra fazer. Alguns diriam que eu sou um hipster daqueles, mas não uso óculos ainda.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *